• cataventodaalegria@gmail.com

Arquivos de: Mensagens

Um ano

Aos olhos do tempo… Um ano não passa de um instante na eternidade. Mas cada instante que passamos com aqueles que amamos, nos fazem mais felizes.

Nossa vida são sucessões de instantes, momentos atribulados  e instantes calmos. Atribulação e calmaria em ciclos como as ondas do mar.

A dor aparece em nossas vidas para lembrarmos de crescer. Ela nos faz correr atrás , nos faz se mexer, avançar, pois ela nos força a movermo-nos para sana-la. Quando a dor vem até  nós para nos modificar, devemos não sofrer com a sua presença, em vez disso, esforce-se mais e mais para resolver aquilo que causa a dor, pois sofrer não vai adiantar em nada. A dor é inevitável, mas o sofrimento é opcional. (Carlos Drummond de Andrade)

Os instantes de calmaria são para que possamos correr atrás dos nossos sonhos, para realizarmos os nossos projetos, para estudar, trabalhar, crescer, recomeçar… Estagnar nos momentos de calmaria das marés da vida, se entregar a vadiagem e a ociosidade implica em reduzir o tempo da maré calma e se aproximar mais rapidamente dos momentos de tempestade e dor. Por isso aproveite cada um dos instantes como devem ser aproveitados. Estude, trabalhe, sonhe e realize, planeje e construa nos momentos de calmaria da vida. Já nos momentos de dor e reflexão repouse o corpo, descanse a mente, reflita e sane os problemas. Com isso, conseguirá aumentar os momentos de paz e tranquilidade da maré e se reduzirá os momentos de tormenta e dor.

Com esse conselho aproveite bem o final desse instante que te resta, aproveite bem o final desse ano, para que no instante seguinte, consiga perpetuar os momentos brandos e calmos da vida. Assim os instantes futuros serão repletos de trabalho, estudo, conquista, gratidão e amor para que possamos estar com a felicidade em qualquer instante que estivermos.

(Gabriel D. Rueda)

As vicissitudes

Chove forte a noite, para um amanhecer ensolarado e florido.

Queima fundo no coração o gelo do abandono, para o encontro calmo e amado de um sorriso.

Dores, força, suor e lagrimas, para o parto da vida de bençãos.

Arar a terra e rega-la dia após dia, para colher os frutos da graça do amor.

Choro copioso, desespero e dor, para renascer mais forte, para renascer no amor.

Suplício, calvário e cruz, para sentir, sorrir e amar, para amparar, consolar, suportar, para se acalmar,  descansar e renascer.

As vicissitudes são as molas propulsoras de evolução da consciência humana. Assim como as mares vão e vem elas nos impulsionam ao futuro glorioso que nos aguarda.

 

(Gabriel D. Rueda)

Renovar a mobília interior

Texto do Livro “Erótica é a Alma”   De Adélia Prado

     Todos vamos envelhecer…. Querendo ou não, iremos todos envelhecer. As pernas irão pesar, a coluna doer, o colesterol aumentar. A imagem no espelho irá se alterar gradativamente e perderemos estatura, lábios e cabelos. A boa notícia é que a alma pode permanecer com o humor dos dez, o viço dos vinte e o erotismo dos trinta anos. O segredo não é reformar por fora. É, acima de tudo, renovar a mobília interior: tirar o pó, dar brilho, trocar o estofado, abrir as janelas, arejar o ambiente. Porque o tempo, invariavelmente, irá corroer o exterior. E, quando ocorrer, o alicerce precisa estar forte para suportar. Erótica é a alma que se diverte, que se perdoa, que ri de si mesma e faz as pazes com sua história. Que usa a espontaneidade para ser sensual, que se despe de preconceitos, intolerâncias, desafetos. Erótica é a alma que aceita a passagem do tempo com leveza e conserva o bom humor apesar dos vincos em torno dos olhos e o código de barras acima dos lábios. Erótica é a alma que não esconde seus defeitos, que não se culpa pela passagem do tempo. Erótica é a alma que aceita suas dores, atravessa seu deserto e ama sem pudores. Aprenda: bisturi algum vai dar conta do buraco de uma alma negligenciada anos a fio.

Desejo que sua alegria nunca se desvaneça e que a felicidade esteja sempre no seu coração. Que no novo inicio de recontagem de nossas vidas, seja um momento muito especial!  É hora de olhar para trás e relembrar momentos, de alegria, de vitórias e de cumplicidade. De esquecer os obstáculos infundados e agradecer aqueles que nos impulsionaram para a frente. É hora , mais do que nunca , de valorizar as amizades e os conhecimentos que adquirimos até aqu! TENHA UM DIA PLENO DE PAZ E ALEGRIAS!!!!!

Escolhendo a vida com simplicidade

Quando olhamos os animais domésticos, como por exemplo, os cães, o que observamos:-  eles se contentam com coisas tão simples , e nos agradecem com seu carinho por pequenos gestos de amor. Simplificar a vida, não é deixar de aproveitar as conquistas alcançadas  financeiramente pelo esforço pessoal ou não. Vai muito além. É um uma maneira de viver ou ver a vida.  É aprender dar valor aos nossos anseios, sem que isso não nos agrida. É sermos nós mesmos na essência. Ter coragem de viver seus próprios sonhos, não fazendo ou vivendo projetos que agradem apenas aos outros.

É viver sem exageros ; ter  uma vida interior rica de valores elevados.  Concentrar as energias para fazer coisas boas para si, mas que não prejudique ninguém ao seu redor.

O alto poder aquisitivo, algumas   vezes , leva as pessoas a um consumismo exagerado, onde  passam a buscar a felicidade nos objetos e modismos desnecessários. Com isso, se afastam daquilo que traz qualidade para a  própria vida. Os excessos de toda ordem, sejam eles de consumo, de alimentação, de trabalho e de  outras tarefas,  complicam o nosso dia a dia. O ideal é viver de forma equilibrada, valorizando o que realmente importa para cada um de nós.

Poderemos não ter a melhor casa, mas ela pode ser um lar acolhedor, que nos dê segurança e tranquilidade. Poderemos não ter o melhor emprego, mas com ele alegrias e gratidão. Poderemos não ter ao nosso lado os melhores companheiros, mas aqueles  que nos compreendem e nos fazem felizes. 

 Nosso corpo, pode  não ser  perfeito, ou mais tão jovem e trazer as marcas do tempo, mas é esse corpo que nos serve à nossa caminhada e conta belas histórias de uma vida. Valorizar cada conquista é escolher ser simples .

 Grandes lideres da humanidade sempre ensinaram a simplicidade e humildade. Utilizaram-se de seus exemplos singelos para transmitir grandes ensinamentos. Dar valor ao amor e às coisas simples da vida., leva-nos a viver de forma digna e de acordo com as reais necessidades. Não importa os trajes com que nos apresentemos no mundo, sejam sob os tecidos que demonstram projeção econômica ou não, preservemos a simplicidade.

Por essas e outras razões, vale a pena investir no homem de amanhã, tomando-o pela mão quando ainda criança, e dar-lhe noções de dignidade e honradez, sem essa tolice de querer que seja o primeiro em tudo. Ensinar-lhe que não importa ser o melhor, mas que seja bom o bastante para formar outros cidadãos de bem, exercer com honra e justiça sua profissão, construir um mundo melhor.

 A criança é sempre portadora de alegrias, na inocência das brincadeiras, na espontaneidade dos seus sentimentos. É bem a mensagem da esperança que não fenece e do amor que se multiplica, inesgotável. É a real simplicidade

Faça o que for necessário para ser feliz. Mas não se esqueça que a felicidade é um sentimento simples, você pode encontrá-la e deixá-la ir embora por não perceber sua simplicidade.- Mario Quintana”

A glória em sua mais simples versão, percebe-se naquele que, usando de humildade, consegue reconhecer e reparar seus próprios erros, pois ela não reside no fato de nunca ter errado, mas de levantar-se frente o equívoco e continuar acreditando sempre, após cada adversidade.- Ivan Teorilang”

Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o que, com frequência, poderíamos ganhar, por ter o simples medo de arriscar.- William Shakespeare”

 

TENHA UM DIA SIMPLESMENTE FELIZ E ABENÇOADO!!!

O Escravo Ésopo

Ésopo era um escravo de rara inteligência que servia à casa de um conhecido chefe militar da antiga Grécia. Certo dia, em que seu patrão conversava com outro companheiro sobre os males e as virtudes do mundo, Ésopo foi chamado a dar sua opinião sobre o assunto, ao que respondeu seguramente:

Tenho a mais absoluta certeza de que a maior virtude da Terra está à venda no mercado.

Como? Perguntou o amo surpreso. Tens certeza do que está falando? Como podes afirmar tal coisa? – Não só afirmo, como, se meu amo permitir, irei até lá e trarei a maior virtude da Terra.

Com a devida autorização do amo, saiu Ésopo e, dali a alguns minutos voltou carregando um pequeno embrulho. Ao abrir o pacote, o velho chefe encontrou vários pedaços de língua, e, enfurecido, deu ao escravo uma chance para explicar-se.– Meu amo, não vos enganei, retrucou Ésopo.

A língua é, realmente, a maior das virtudes. Com ela podemos consolar, ensinar, esclarecer, aliviar e conduzir. Pela língua os ensinos dos filósofos são divulgados, os conceitos religiosos são espalhados, as obras dos poetas se tornam conhecidas de todos. Acaso podeis negar essas verdades, meu amo?

Boa, meu caro, retrucou o amigo do amo. Já que és desembaraçado, que tal trazer-me agora o pior vício do mundo? – É perfeitamente possível, senhor, e com nova autorização de meu amo, irei novamente ao mercado e de lá trarei o pior vício de toda a terra. Concedida a permissão, Ésopo saiu novamente e dali a minutos voltava com outro pacote semelhante ao primeiro.

Ao abri-lo, os amigos encontraram novamente pedaços de língua. Desapontados, interrogaram o escravo e obtiveram dele surpreendente resposta:– Por que vos admirais de minha escolha? Do mesmo modo que a língua, bem utilizada, se converte numa sublime virtude, quando relegada a planos inferiores se transforma no pior dos vícios. Através dela tecem-se as intrigas e as violências verbais. Através dela, as verdades mais santas, por ela mesma ensinadas, podem ser corrompidas e apresentadas como anedotas vulgares e sem sentido. Através da língua, estabelecem-se as discussões infrutíferas, os desentendimentos prolongados e as confusões populares que levam ao desequilíbrio social. Acaso podeis refutar o que digo? –indagou Ésopo.
Impressionados com a inteligência invulgar do serviçal, ambos os senhores calaram-se, comovidos, e o velho chefe, no mesmo instante, reconhecendo o disparate que era ter um homem tão sábio como escravo, deu-lhe a liberdade. Ésopo aceitou a libertação e tornou-se, mais tarde, um contador de fábulas muito conhecido da antigüidade e cujas histórias até hoje se espalham por todo mundo

A ILHA DOS SENTIMENTOS

Era uma vez uma ilha onde moravam os sentimentos. Num dia de muita tempestade a ilha toda foi inundada e cada um procurou salvar-se como pode.

O AMOR, no entanto, não se apressou, pois queria ficar um pouco mais com sua ilha tão querida. Mas a situação ficou feia e ele começou a se afogar. Ao ver a RIQUEZA passando em seu luxuoso iate, pediu ajuda: – Não posso levar você, não cabe. Meu barco está cheio de ouro e prata!

Ao ver a VAIDADE passar, também pediu ajuda: -Não posso, você está todo sujo e vai sujar meu barquinho!

Ao ver a TRISTEZA passar, também pediu ajuda: -Ah! AMOR, estou tão triste… prefiro ficar sozinha! A INDIFERENÇA nem sequer respondeu ao seu pedido de socorro.

Foi então que passou um velhinho e o socorreu:- Sobe,AMOR, eu levo você. O Amor ficou tão feliz e aliviado que até se esqueceu de perguntar o nome do seu benfeitor.

Chegando ao alto de um morro, onde estavam os sentimentos que se haviam salvado, ele perguntou à SABEDORIA: -Quem é aquele velhinho que me salvou?Ela respondeu: O TEMPO. Somente o TEMPO é capaz de dar valor ao AMOR.

A Lenda da Serpente

 Conta a lenda que uma vez uma serpente começou a perseguir um vaga-lume. Este, fugia rápido, com medo da feroz predadora, e a serpente nem pensava em desistir. Fugiu um dia e ela não desistia, dois dias e nada… No terceiro dia, já sem forças, o vaga-lume parou e disse a serpente: – Posso lhe fazer três perguntas?

– Não costumo abrir esse precedente a ninguém, mas já que vou te devorar mesmo, pode perguntar…

– Pertenço a sua cadeia alimentar? – Não. – Eu te fiz algum mal?- Não

– Então, por que você quer acabar comigo? – Porque não suporto ver você brilhar…

Moral da história: Têm pessoas que se dizem seu(a) amigo(a), mas o que eles querem mesmo é acabar

Com o seu brilho.. Só incomoda as trevas , quem se faz na luz do bem.

Degraus a serem vencidos.

“O sofrimento que aparece em nossa vida não pode ser visto como um processo final. Precisamos olhar os empecilhos como degraus a serem ultrapassados e vencidos.”

Enquanto nossa vida acontece , tranquila , sem dificuldades , os acontecimentos cercados de sorrisos, pela alegria de viver, não nos faz enxergar as pedras do caminho. Porém, quando a dor, através de doenças, perdas de entes queridos, desemprego, traição, falta de liberdade e outras tantas causas, que nos fazem sofrer, quando acontecem, nos faz muitas vezes remover até montanhas. Por que? Geralmente nessas horas, vamos buscar nossa força interior, através de amigos, de religiosidade nas orações, trazendo Deus para nossas vidas. Com a fé, percorremos as dificuldades, com mais esperança e confiança, num futuro melhor. Muitas ocasiões, a fé consegue milagres e renova toda expectativa de um novo dia.
Quando procuramos vencer uma dificuldade, precisamos estar confiantes , sem magoas ou rancor das recordações do passado. Pois ao alcançarmos a cura, se alimentarmos dentro de nós a tristeza, magoa, falta de perdão ou gratidão, curamos o corpo, mas a nossa alma continua adoecida e a doença física, assim voltará.
A dor quando nos alcança, é para nos estimular a avaliar nossas direções, na estrada da vida. Muitos se curvam e se prostram diante da dor, outros se revoltam e não enfrentam as dificuldades para ultrapassar os limites, que o fariam sair do problema. Muitas vezes, só de ouvirmos uma boa palavra, ganhamos vida nova , mais ânimo e disposição, retomando novas diretrizes. E assim mesmo com sofrimento intenso, passamos a ver maneiras diversificadas de um mesmo prisma. Deus não se cansa de oferecer estradas, para que nós continuemos caminhando.
Assim como uma ponte, é transitória, para alcançarmos um outro lado; a fé, a esperança, os cuidados necessários para cada situação , também o são. Quando ultrapassamos os obstáculos do sofrimentos, como atravessamos a ponte, é como recomeçar uma nova caminhada , onde sempre iremos estar melhorados em todos os sentidos.
O nosso projeto de vida, é o mesmo projeto de Deus em nossas vidas? Como saber? Que nos move na vida? O amor, o dinheiro, o egoísmo, ou o que? O que buscamos? Somos úteis? Solidários?
Ninguém é extensão do outro, nem reprodução de ninguém. Há pais que projetam seus sonhos na vida dos filhos, os impedindo de sonhar, gerando sofrimentos muitas vezes, por uma vida inteira. Há pais controladores, outros cuidadores. Quais as dificuldades que você já venceu? Saiu-se melhor depois ?
E muito natural do fraco, atribuir todos os fracassos, a quem, está ao seu redor. É mais nobre, quem consegue reconhecer onde falhou, e recomeçar. Assim sendo, não consideres como infortúnios os acontecimentos imprevistos que te convoquem a mudanças radicais de conduta para melhor. ( T.D.Rueda)
“ É mais ou menos assim que funciona o sofrimento humano. Deus procura enviar diversos tipos de mensagens sobre os erros que cometemos, mas nós não O ouvimos e não mudamos de caminho; insistimos no erro e na ilusão. Quando o homem insiste em permanecer na embriaguez das ilusões do mundo, Deus autoriza que venha a dor, o sofrimento, o desespero, as perdas, etc., para libertá-lo. Dessa forma, autoriza o sofrimento para que, somente assim, possamos encontrar o caminho real e nos transformar. ” ( Hugo Lapa”)
“Sofremos quando somos orgulhosos, egoístas, sempre querendo ser o dono da razão. Não admitindo erros e tropeços dos outros nem os nossos,. E mesmo quando admitimos nossos erros, achamos que tropeçamos porque a pedra estava no nosso caminho. Muitas vezes a pedra sempre esteve lá porém, nós não prestamos atenção por onde vamos e precisamos achar um culpado para nossos .erros. Alguns ao encontrarem pedras os atrapalhando, as removem e constroem castelos. Outros se fazem de vítimas e se deixam cair, com os tropeços. “
“A dor é um alerta de que algo não vai bem, que alguma coisa esta errada conosco. Ela nos serve, para mudança de hábito ou comportamento. Se dói, é porque algo não esta certo. É em vão lutar contra a dor da alma sem a devida mudança interior.”
“Lamentar uma dor passada, no presente, é criar outra dor e sofrer novamente.”William Shakespeare
TENHA UM DIA PLENO DE PAZ E ALEGRIAS”

Família?

"Bartolomeu era um pescador e vivia em uma família muito conturbada. Por isso ele vivia muito triste. Dessas pessoas que achava que todos o queriam prejudicar, inconformado que todos progrediam menos ele; era perturbado com sua situação de pobreza. Seu desejo maior era alcançar a prosperidade. Nada era suficiente! Era tão crítico e queixoso, que ninguém aguentava ficar em sua companhia. Procura Jesus para se queixar e pinta uma imagem horrorosa de sua vida. Jesus o ouve com muito carinho e, lhe fitando nos olhos , responde com serenidade:- Já viste Bartolomeu, a nossa doutrina, é das Boas Novas. Uma boa notícia não deve produzir alegrias? Eu venho trazer a esperança de um mundo melhor, e a certeza de uma vida promissora. Porem o evangelho precisa florescer primeiro nos corações daqueles que queiram levar essa esperança . Meu Pai me enviou, para lembrar que todos nós somos irmãos e com amor no coração, faremos um mundo muito melhor! Mas para isso, precisamos conservar, a gratidão pelas coisas boas que possuímos; ver aquilo que podemos melhorar dentro de nós, para começar a mudar o mundo a partir daí! Você tem alguma coisa boa para me dizer sobre seu lar e sua família? Veja então como pode melhorar o que está ao seu redor. Confie em mim! Nosso Pai, nos dará um futuro promissor se fizermos hoje um dia melhor , nos transformando para o amor a nós e depois ao próximo.”
Devemos pautar nossas famílias, pelo modelo que achamos ser o melhor. Bartolomeu não gostava do modelo familiar que vivia, mas não fazia nada para melhorá-la.
Os pais do passado, não se preocupavam tanto em ser amados, mas não abriam mão, do RESPEITO. Nos tempos atuais, queremos ser amados, mas acabamos nos perdendo, pelo excesso de doação, não impondo o limites muitas vezes necessários.
Estamos vivendo cenas de um mundo, que nos faz no dia a dia, repensar todos os nossos planos de comandar uma família. Porque Deus escolheu uma família simples, para representar o seu amor e sua Glória ? Porque a felicidade não está em ter e sim em SER !
Quando estamos caídos, mesmo achando que nossa família não é a ideal, é para nosso lar que queremos retornar. Todos precisam ter uma referência familiar em suas vidas. Quem não deseja ter um cantinho na vida e chamar de seu? Aqueles que querem encontrar uma família perfeita em suas vidas, vai viver todos os dias um pesadelo . Todos os lares, existem amor, compreensão, e também conflitos para os reajustes. É no lar, que iremos aprender as experiências de convivência humana. Quantas vezes nos irritamos com situações, achando que nossos familiares querem nos impedir de ser felizes. Saindo de casa, iremos encontrar as mesmas situações, com pessoas estranhas.
Muitos filhos, sofrem com o relacionamento dos pais , muitos pais sofrem com os relacionamentos dos filhos. Há famílias que ninguém fala a verdade. Há outras que dizem tudo o que se pensa, magoando-se o tempo todo. Sogros e sogras que se misturam na vida do casal. Alguns abandonam os filhos, outros cuidam exageradamente, sufocando a vida pessoal. Não há lares perfeitos! Mas todos podem ser melhorados a cada dia, com a busca do amor e compreensão!
Sequestros emocionais, acontecem. Quem nos rouba ? Muitas vezes, fazemos coisas para agradar o outro, anulando nossas vidas. Isso é um sequestro emocional. Fazemos o que o outro espera e não o que queremos viver. Devemos buscar nossos sonhos! É no lar que começamos!
Para que servem os pais? Para nos amar, nos direcionar diante da vida. Porem, inúmeras vezes vamos procurar, aquilo que os diminui diante de nossos olhos .Nos fazendo de vitimas, quando buscamos alcançar coisas que nem sempre estamos prontos para vivenciar.
Quando partem, e enxergamos os valores que nos trouxeram diante da vida, vamos perceber, o quando herdamos de suas qualidades e defeitos. Vamos aproveitar então enquanto convivemos, fazer o melhor de cada dia, para não acarretarmos culpas pela vida afora!
“ O homem justo, leva uma vida íntegra! Como são felizes os seus filhos! (Provérbios 20.7”)”
TENHAM UM DIA MUITO FELIZ E ABENÇOADO!!!!!

A Culpa e o Perdão

Quando aprendemos a nos perdoar e a perdoar aqueles que nos feriram, sentimos uma nova energia de vida. A prática do perdão, nos liberta emocionalmente do passado, abrindo novas expectativas para o futuro!
O que é o perdão? É proporcionar a quem nos magoou , ou nos feriu de alguma maneira, a oportunidade do arrependimento, da corrigenda e trazer para nossa alma, alivio de mágoa ou rancor, de alguém que nos feriu por um ato considerado, ofensivo ou inadequado.
Temos muita dificuldade em conceder o perdão, porque na maioria das vezes, quando atingidos pelo ofensor, estamos na maioria das vezes fragilizados, ou em situações de muito injustiçados. Quase sempre nos achamos vítimas do ofensor, ou alvo de explorações grotescas.
Quando erramos, e reconhecemos nosso erro, desejamos também receber o perdão, daquele que foi vitimado por nós. Porém , muitas vezes, quando “atacamos alguém” com nossa estupidez, ou causamos injustiças, nem sempre , temos a consciência de nossas falhas! Temos muita dificuldade em nos colocar no lugar do outro . Falta-nos muitas vezes, compreensão e tolerância!
(Mateus, XVIII: 15, 21 e 22). "Senhor, quantas vezes poderá pecar meu irmão contra mim, para que eu lhe perdoe? Será até sete vezes? Respondeu-lhe Jesus: Não te digo que até sete vezes, mas até setenta vezes sete vezes."
Todos nós almejamos a felicidade e ser feliz é viver em harmonia , buscando sempre a paz interior, com o coração livre de sentimentos negativos como o ódio, a culpa,o rancor, a mágoa…
Estudos científicos comprovam que o aparecimento de certas doenças físicas, podem estar relacionadas com a falta de perdão de nossas culpas ou com a de quem nos magoou. . Nossos pensamentos funcionam como emissores e receptores de energia. Se alimentamos o egoísmo, o ódio, o orgulho e o rancor, certamente atraímos energias maléficas para o nosso corpo e a nossa alma. O perdão sincero é capaz de proporcionar aquilo que chamamos de "paz de espírito", ou seja, nos garante a consciência tranquila, livre de paixões nocivas, consequentemente diminuindo assim o risco de doenças. Mas o perdão também é importante para aquele que é perdoado. Todos nós somos seres em evolução e na busca pela perfeição cometemos erros. Há de se considerar que o erro é necessário para o nosso aprendizado. Nem sempre a intenção do ofensor é nos prejudicar e é necessário dar a ele uma nova oportunidade, assim como Deus , sempre nos dá novas oportunidades!
Em muitas ocasiões, carregamos uma culpa, em que aquele que acreditamos ser nossa “vitima”, nem se recorda! Por isso, quando a culpa nos abater, o pedido de perdão, pode muitas vezes nos libertar de enormes fardos inúteis! A reconciliação, muitas vezes, gera alegrias infindas!
Onde isso mais acontece, é em relacionamentos familiares! Por equívocos de algumas atitudes , onde o diálogo, foi insuficiente, muitas coisas boas, se diluem, com mágoas e sofrimentos intensos.
Uma brincadeira, de mal gosto, pode destruir uma vida! Uma fala mal pensada, um gesto, ou atitudes marcam muito! Se erramos; naturalmente, daremos chance a outros também de errarem!
Porque deveremos ser juízes implacáveis com o próximo? Queremos que sejam assim também conosco? Praticar o perdão ; pode ser muitas vezes um ato de caridade! Dar novas oportunidades, a nós mesmos! Podendo aprender algo com nossos erros, nos tornaremos seres humanos melhorados. Deus nos perdoa sempre! A cada raiar do dia, ele nos mostra, que o dia anterior já se foi e, o novo alvorecer, é uma nova página a ser escrita! Não devemos fazer justiças, por nós mesmos. Há pessoas preparadas para isso, em orgãos públicos, quando necessários.
Quando perdoar, não o faça apenas aparentemente! Sinta a paz do perdão verdadeiro em seu coração! Muitas vezes, nosso ofensor, nem compreende o mal que nos causou. Alguns são vítimas da própria ignorância! Por isso, não carregue culpas! Peça perdão! Perdoe sempre!
Deixe Deus no comando de seus sentimentos, para ter mais paz, saúde e alegrias, em sua vida!
TENHA UM DIA PLENO DE PAZ E MUITAS ALEGRIAS CERCADOS DE MUITO AMOR!!!!